Zenteno confirma oferta do BTG para venda da TIM


Carlos Zenteno, CEO da Claro, entende que o mercado brasileiro de telecomunicações é muito dividido e que há espaço para a fusão de empresas no sentido de fortalecer as operadoras,  para que elas ofereçam melhor serviço e de melhor qualidade. “Estamos abertos a qualquer oportunidade de negócio que considerarmos interessante”, disse na abertura do Painel Telebrasil, hoje (9), em Brasília. O executivo confirmou que o banco BTG,  contratado pela Oi, procurou  a América Movil para discutir a possível compra da TIM. O presidente da TIM, Rodrigo Abreu, também presente ao evento, negou que a sua operadora esteja a venda.

Carlos Zenteno disse ainda que o leilão das frequências de 700 MHz é um momento importante, e que a Claro não pode prescindir desta faixa para ampliar os serviços. Ele afirmou que o conselho de administração da América Móvil deverá decidir em poucos dias sobre sua participação neste leilão. E elogiou o governo brasileiro por estar promovendo um certame tão complexo, que implica remanejamento de muitas emissoras de TV aberta.

 

PUBLICIDADE
Anterior Entidades cobram regime público para serviços de banda larga
Próximos Teles dizem que só menos imposto e regulação simplificada garantem sustentabilidade ao setor