Wayra investiu em 800 startups em dez anos


Wayra
Livia Brando, country manager da Wayra no Brasil

A Wayra, iniciativa de apoio ao empreendedorismo lançada pela Telefónica em 2011, soma 800 startups investidas em seu décimo aniversário. No mundo, o hub impulsionou a criação de 10 mil empregos. A empresa nasceu em 2011 e completou uma década nesta semana.

PUBLICIDADE

Cerca 250 das 800 startups investidas fecharam negócio com a Telefónica, trazendo R$ 1 bilhão de receita para essas empresas. Os mais de R$ 330 milhões  em investimentos globais da Wayra valorizarem cerca de 70%. Com mais de 75 exits bem sucedidos, a empresa pôde recuperar boa parte dos seus investimentos.

Também o ticket médio de investimento da aceleradora cresceu na década. Em 2021, esse valor é de R$1,5 milhão, sendo que em 2011 o ticket era de apenas R$ 100 mil.

Brasil

Por sua vez, a Wayra Brasil representa 79 das 800 startups totais, que somam R$ 19 milhões em investimentos.  A empresa chegou no país em 2012 e, no período, acrescentou 32 startups a seu portfólio. Juntas, elas possuem R$ 1 bilhão em valor de mercado e faturaram no último ano cerca de R$ 500 milhões.

Atualmente, 47% das startups do portfólio da Wayra Brasil realizam negócios com a Vivo. Isso gerou mais de R$ 20 milhões em negócios entre a corporação e as startups do portfólio da Wayra no último ano. Por exemplo, em 2019, a Vivo passou a usar a tecnologia de inteligência artificial da Gupy, sistema de recrutamento online, para melhorar seus processos seletivos de funcionários.

“A Wayra Brasil tem tido uma trajetória consistente, com relevância no ecossistema de venture capital local, além de um importante ambiente de negócios junto à Vivo. Conseguimos concluir ciclos de investimentos com casos de Exits de sucesso como a Teravoz, Gupy, Social Miner e Link API. O Brasil segue sendo um importante mercado para a Wayra, por isso continuamos a reforçar nosso posicionamento como investidor estratégico, que abre as portas para as startups escalarem seus negócios com a Vivo e com grandes corporações parceiras”, reforça Livia Brando, country manager da Wayra no Brasil.

A Wayra Brasil fechou uma parceria com o Cubo Itaú em 2020 com o intuito de escalar iniciativas de inovação aberta e promover  conexões e negócios. Também no ano passado, a empresa criou o Wayra X, para investir apenas em startups digitais. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Maioria dos testes de aplicações móveis não é automatizada, indica pesquisa
Próximos Competição entre operadoras reduziu preços e promoveu melhora na qualidade dos serviços, mostra estudo