Verizon vai desligar redes 3G este ano. AT&T, em 2022


As operadoras móveis dos Estados Unidos se preparam para desligar suas redes móveis de terceira geração. A Verizon, maior em número de clientes no país, vai tirar as ERBs 3G da tomada até o final do ano. A AT&T vai precisar de mais tempo: determinou o desligamento definitivo no começo de 2022.

T-Mobile e Sprint, terceira e quarta colocadas em participação no mercado móvel de lá, não informaram ainda se pretendem fazer o mesmo. As informações são do diário The Wall Street Journal.

PUBLICIDADE

Por trás dos desligamentos há a intenção de destinar as frequências usadas no 3G para as redes 4G. Para evitar problemas com o consumidor local, as operadoras pretendem implementar programas de troca de aparelhos. A AT&T, por exemplo, diz ter 11% de sua base pós-paga usando equipamentos compatíveis apenas com 3G.

A investidores, o presidente da Verizon, Ronan Dunne, teria dito ontem, 21, que a empresa pretende terminar 2019 com redes 5G em 30 cidades. A rival AT&T, por sua vez, prevê ter rede de quinta geração em 12 cidades.

Pressão de Trump

Para o presidente dos EUA, Donald Trump, as operadoras já estão atrasadas. Ontem, através do Twitter (abaixo), ele provocou as empresas ao afirmar que elas devem acelerar os esforços, ou ficarão pelo caminho. E cobrou o desenvolvimento do 6G.

 

Anterior Vodafone e TIM Itália negociam fusão da infraestrutura móvel
Próximos Samsung anuncia novos chips 5G para estações radiobase