Valor para migração de rádio AM para FM sai em duas semanas, afirma Minicom


Ao participar de evento com emissoras de rádio no Rio Grande do Sul, ontem, 29, o ministro das comunicações André Figueiredo prometeu que o valor da migração da outorga de rádio AM para FM será definido em no máximo duas semanas.

Ele falou, porém, que o Minicom ainda vai apresentar nova proposta ao Tribunal de Contas da União, que no meio do ano aprovou um cálculo preliminar para uso na cidade de Anápolis. “É um compromisso de resolver essa pendência. A equipe analisará parâmetros para apresentar uma proposta atrativa ao setor e que tenha a concordância do Tribunal de Contas da União”, disse Figueiredo.

PUBLICIDADE

Banda larga para todos
No evento, ele também reiterou que o ministério reduziu a meta de cobertura para a segunda fase do PNBL, promessa de campanha da presidente Dilma Rousseff sob nome de Banda Larga para Todos. “A meta é alcançar 90% da população e 70% dos municípios até 2018”, falou.

Originalmente, o plano previa levar fibra óptica a 90% dos municípios. Segundo ele, o projeto demandará investimentos de R$ 50 bilhões, pelo menos, boa parte colocado pelas próprias empresas a partir de incentivos governamentais. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Anatel autoriza reestruturação societária da Algar Telecom
Próximos Cade autoriza compra da Navitaire por Amadeus