PORTAL DE TELECOM, INTERNET E TIC

Radiodifusão

TV por satélite: 61 emissoras já transmitem em banda Ku no satélite Star One

De acordo com Abert, Sky ainda não concluiu preparo da estrutura para prestar serviço. Implementação do 5G ocorreu em oito capitais até o momento.
(Crédito: Freepik)

Dos 118 canais de banda C que devem realizar a migração para banda Ku, 61 já operam em dupla iluminação. O número atualizado foi divulgado pelo presidente da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert), Flávio Lara Resende, na live realizada pelo Tele.Síntese nesta segunda-feira, 15.

De acordo com Resende, todas as emissoras já migradas foram para o satélite Star One D2, pois a Sky ainda não disponibilizou a estrutura.

“Nós sabíamos que teria mesmo essa demora para que eles pudessem se equipar para prestar o serviço. Esperamos que se resolva de forma bastante rápida, pelo menos esse é o desejo das emissoras”, disse Resende.

A migração de satélite é necessária para liberar a faixa de operação do 5G. A mudança já ocorreu em oito capitais: São Paulo, Brasília, Belo Horizonte, Porto Alegre, João Pessoa, Curitiba, Salvador e Goiânia.

Ritmo de migração para banda Ku

Presidente da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert), Flávio Lara Resende (Foto: Tele.Síntese).

Na visão do presidente da Abert, a implementação da transmissão em banda Ku está “avançando de forma bastante rápida”.

“Tínhamos 45 canais em junho. Acredito que, rapidamente, vamos avançando esse número de canais, principalmente quando começarmos a chegar no interior dos estados”, disse Resende.

A expectativa de aumento do número de canais com a interiorização da cobertura ocorre porque, na maioria dos estados, há maior presença de transmissão por satélite nas regiões mais afastadas do centro.

A EAF tem registrado baixa procura pelos kits de banda Ku, comparado ao planejado, neste início de operação do 5G. A entidade explica que o cenário é devido ao fato da implementação estar restrita às capitais, onde há menor uso das parabólicas comuns, que estão sujeitas à substituição.

Após a migração, os canais permanecem na banda C por mais 18 meses. É possível realizar prorrogação do prazo, mas a data limite para a conclusão da troca de satélite é em dezembro de 2025, de acordo com cronograma.

TEMAS RELACIONADOS

ARTIGOS SUGERIDOS



 

Chatbot com IA da Mundiale automatiza vendas dos ISPs em até 84%
ISPs ainda podem contar com envio automatizado de boleto com régua de cobrança para reduzir a inadimplência e com gerenciamento fim-a-fim.