PORTAL DE TELECOM, INTERNET E TIC

TV Digital

TV gratuita via satélite deve ampliar participação de mercado, prevê Elsys

Segundo o presidente do conselho da Elsys, Cláudio Blatt, a oferta de mais de 100 programas em HD pelas operadoras de satélite estimula o interesse pela TV aberta por parabólica.

Claudio Blatt

A participação de mercado de TV aberta gratuita via satélite deverá crescer no país, prevê o presidente do conselho de administração da Elsys, Cláudio Blatt. Essa sua previsão vem na contramão do que está sendo comprovado com o programa de distribuição dos Kits de antena parabólica para as famílias integrantes do CADÚnico (Cadastro único das famílias de baixa renda) tocado pela Siga Antenado, que não está entregando nem 2% dos kits estimados inicialmente.

Mas Blatt explica que, enquanto na distribuição gratuita as famílias precisam atender, simultaneamente, três condições estabelecidas pela Anatel para receberem o kit, a venda das parabólicas da empresa no varejo está de vento em popa e isso se deve afirma, à programação. ” As operadoras  estão oferecendo pela TV aberta via satélite mais de 100 canais HD gratuitos, além de incluirem as programações regionais das emissoras, o que estimula a formação de novo público”, afirmou.

A Elsys, que fornece os receptores para as parabólicas também para o Kit gratuito, fabrica produtos para a TV gratuita via satélite e TV  a cabo há  mais de 20 anos. Com sede em Valinhos (interior de São Paulo),  distribuição em Jaguaríuna (SP), fábricas em Manaus (AM) e em Shezhen (China), a empresa tem diversificado seu campo de atuação (e desenvolvimento de produtos) para a banda larga fixa, serviços de segurança e energia solar.

Essa diversificação (a empresa continua a fornecer chips para produtos de linha branca, como geladeira e máquina de lavar) é possível, explicou Batt, devido à ampla capilaridade de sua rede de distribuição especializada. ” Temos 28 mil lojas. Estamos presentes em 98% dos municípios do Brasil”, afirma. Essa presença, afirma é que permite a empresa não só vender, como instalar as parabólicas para o programa Continue Antenado, além de ser a parceira da HughesNet e Sky na comercialização dos serviços das duas operadoras.

Para a banda larga, a empresa tem grandes expectativas com a solução desenvolvida por ela, batizada de Amplimax, já certificada na Anatel, e que tem a capacidade de amplificar em até seis vezes o sinal do celular, o que faz o produto ser bastante útil para áreas distantes e rurais. A empresa promete para o segundo semestre o lançamento desse amplificador já nas bandas do 5G.

TEMAS RELACIONADOS

ARTIGOS SUGERIDOS



 

Chatbot com IA da Mundiale automatiza vendas dos ISPs em até 84%
ISPs ainda podem contar com envio automatizado de boleto com régua de cobrança para reduzir a inadimplência e com gerenciamento fim-a-fim.