TIM vai vender ou desligar 4,4 mil sites comprados da Oi Móvel


O CTIO da TIM, Leonardo Capdeville, afirmou hoje, 25, que a operadora vai desligar ou vender 4,4 mil sites em todo o Brasil até 2030 que eram da Oi Móvel. A maioria destes, 3,5 mil, será desinvestida até 2024.

PUBLICIDADE

Estes sites incluem torres e outras estruturas de telefonia móvel que se tornaram redundantes a partir da compra de ativos da Oi Móvel pela companhia – negócio este selado no último dia 20.

Conforme explicou o executivo em conferência com analistas e interessados na manhã desta segunda-feira, a TIM comprou ao todo 7,2 mil sites. Destes, 40%, ou 2,8 mil estruturas, estão em locais onde a tele ainda não possuía antenas e por isso serão bem aproveitadas. O restante será desativado ou vendido.

A TIM avisa que a adição dos novos sites vindo da Oi Móvel a sua rede terá impacto em custos operacionais, uma vez que os ativos trazem consigo contratos de aluguel fechados pela Oi no passado. O preço total desse aluguel é de R$ 4,5 bilhões.

Em compensação, o CEO da TIM, Alberto Griselli, afirmou que o resultado dessa incorporação de torres será uma redução no Capex do grupo em montante de 2% a 3% até o fim 2024. A estimativa original era de investimentos de R$ 14 bilhões em três anos. Ou seja, haverá um abatimento de até R$ 420 milhões.

O CEO explicou, no entanto, que a redução do Capex em função da fusão com fatia da Oi Móvel chegará a 20% até 2030.

Capdeville informou que parte das torres adquiridas deverão ser vendidas conforme obrigação do Cade, em seis a 18 meses, e por isso não podem ser desligadas imediatamente.

Apenas após essa oferta obrigatória a empresa pode levar o ativo a mercado, buscando outros interessados, caso a venda a compradores menores, exigida pelo regulador, não seja concluída. No longo prazo, garante, o VPL é positivo. Ou seja, o valor obtido com o desfazimento dos ativos será positivo.

PUBLICIDADE
Anterior Grupo de Singapura compra a Sigfox
Próximos Senacon multa a Claro por cortar internet em plano “ilimitado”