TIM adota solução eSIM da IDEMIA para atender mercado IoT no Brasil


Crédito: Freepik
Crédito: Freepik

A TIM firmou parceria com a Idemia, desenvolvedora de tecnologias de identidade, para o fornecimento e gestão de soluções eSIM ao mercado M2M (Machine to Machine) e IoT.

A tecnologia será utilizada na indústria automotiva, no agronegócio, em utilities (energia, água e gás), na iluminação pública e em cidades inteligentes.

PUBLICIDADE

A TIM já utilizava a tecnologia de gestão eSIM da Idemia em sua oferta de produtos ao varejo. A tecnologia permite que um perfil digital seja baixado remotamente no termina e armazenado em um elemento seguro chamado eUICC (Embedded Universal Integrated Circuit Card), e, em seguida, ativado na rede da TIM.

O acordo, segundo as empresas, endereça a projeção de forte crescimento do mercado eSIM nos próximos anos. De acordo com a Counterpoint Research, as remessas de dispositivos baseados em eSIM atingirão quase 6 bilhões de unidades até 2025, principalmente devido a smartphones e dispositivos corporativos de IoT.

O eSIM já vem embutido nos circuitos dos terminais. Elimina, assim, a necessidade de inserção de SIM Card pelo usuário, o que seria inviável em projetos que utilizam centenas, até milhares de dispositivos, como é o caso da internet das coisas. Uma vez ativado o terminal, pode ser configurado para se conectar a uma das redes disponíveis no local, desde que seja compatível com a tecnologia.

Os fornecedores da tecnologia, como a Idemia, entregam os componentes que precisam ser instalados nos terminais antes de saírem de fábrica. Estes reúnem o reconhecido da rede e elementos de segurança para garantir que a conexão não seja vulnerável.

PUBLICIDADE
Anterior BTG Pactual e Oi anunciam parceria em soluções financeiras para PMEs
Próximos Enel propõe cobrança menor por CTOs, mas ISPs do Ceará reagem