Telefónica vende controle da unidade de fibra na Colômbia


Assim como fez no Brasil e no Chile, a Telefónica Colómbia anunciou a venda de sua unidade de infraestrutura de acesso em fibra óptica. O fundo norte-americano KKR comprou 60% do ativo. A transação atribui valor de mercado de US$ 500 milhões à nova empresa, equivalente a 20x o EBTDA.

PUBLICIDADE

A operadora vai receber US$ 200 milhões pela fatia vendida, e poderá receber outros US$ 100 milhões mediante a obtenção de determinados resultados contratuais. O valor é equivalente à negociação para a rede de fibra brasileira, que teve 50% comprados pelo fundo canadense CDPQ e outros 25% pela Telefónica Infra, do próprio grupo Telefónica.

O plano é similar ao definido no Brasil. Ou seja, contar com um parceiro na capitalização da empresa de infraestrutura para acelerar a construção da rede óptica por todo o país. No caso da Colômbia, a expectativa é que a nova empresa cobra com fibra (FTTH) 90 cidades e alcance 4,3 milhões de casas passadas até 2024.

A empresa já nasce tendo as casas passadas da Telefónica Colómbia, o que representa 1,2 milhões de unidades. A tele tem 380 mil assinantes de banda larga por fibra no país.

Anterior Carro como garantia tem a preferência dos clientes da Creditas
Próximos Live Tele.Síntese promete revelar radiografia do TAC