Telefonia móvel espanhola tem queda recorde de linhas


A telefonia móvel espanhola perdeu, em abril, 378.888 linhas, a maior queda mensal já registrada até o momento e o terceiro mês consecutivo de descenso no total de linhas, informou nesta sexta-feira (15) o jornal espanhol El País.

De acordo com o periódico, diferente do que se pode pensar, a queda não é decorrente da crise econômica espanhola ou a queda e consumo, mas resultado decisão da Movistar, da Telefónica, e da Vodafone, as maiores operadoras do mercado espanhol, de acabar com política de subvenção de terminais. A Orange, que continua aplicando os descontos, ganhou 17.760 clientes e a Yoigo somou 1.490 novas linhas no período.

A Movistar perde linhas desde agosto, contabilizando nove meses de queda, com variação negativa de 1,63 milhão de linhas, sendo que 1,3 milhão foram perdidas nos últimos cinco meses, de adordo com o jornal espanhol. (da Redação)

Anterior Esquenta o clima entre servidores e direção da Anatel
Próximos Equipamentos de telecom puxam faturamento em Manaus