Telebras vai terceirizar a operação da sua rede


Crédito: Divulgação
Crédito: Divulgação

A Telebras abre consulta pública, pelo prazo de 20 dias, do Termo de Referência para contratação de empresa especializada para operação do centro de gerência de rede e serviços da estatal, em Brasília. A companhia contratada terá que gerenciar os serviços providos aos clientes e parceiros, internos e externos, bem como gerenciar e operar redes, equipamentos e serviços em locais remotos.

A justificativa para a contratação engloba a rápida mobilização de recursos para atendimento de projetos, como por exemplo a ativação de redes complexas de clientes ou o início da operação do comercial do satélite, projetos que demandaram um aumento de equipes de gerência de redes e serviços em curto espaço de tempo após a assinatura dos contratos. Como também a atuação com profissionais com certificações e treinamentos específicos, atuando em escalas e regimes de trabalho que não possuem paralelo no plano de cargos e remuneração da Telebras.

PUBLICIDADE

O termo de referência não admite a participação de consórcios de um modo geral, nem a subcontratação de empresas. O gerenciamento será feito a partir dos equipamentos da estatal, instalados em Brasília. Não poderão participar da licitação empresas que diretamente ou através de suas subsidiárias, controladora, ou participante de grupo econômico que atue de forma concorrencial com os produtos e serviços da Telebras, de forma a preservar os segredos de negócio desta e garantir a livre concorrência entre as empresas.

A estimativa de preço para contratação de empresa para operação da rede da Telebras é sigilosa e o prazo do contrato é de 60 meses, mais um forte indício de que a privatização da estatal foi abandonada pelo governo. As contribuições à consulta pública serão admitidas até o dia 28 deste mês.

PUBLICIDADE
Anterior Teles enviaram 763 milhões de SMS com alertas de desastres e sobre Covid-19 em 2021
Próximos Anatel manda teles ampliarem serviço de bloqueio de chamadas indesejadas