Telebras e IslaLink assinam acordo para cabo ligando Europa a América do Sul


O presidente da Telebras, Caio Bonilha, e o presidente da empresa espanhola IslaLink, Alfonso Gajate, assinaram nesta na última quinta-feira (30), na sede da estatal, MOU (Memorandum of Understanding) para a execução de ações conjuntas que viabilizem a construção de um cabo óptico submarino interligando América do Sul e Europa.

A estatal brasileira está trabalhando para lançar cinco cabos ópticos submarinos. Quatro farão ligações internacionais, conectando Brasil, Estados Unidos, Europa e África. O quinto cabo submarino será construído para interligar o território brasileiro, expandindo ainda mais o backbone nacional da Telebras.

PUBLICIDADE

Ao todo, serão 24 mil quilômetros de cabos óticos, ao custo total estimado de R$ 1,8 bilhão, e com início de operação previsto para 2014.

O projeto é estratégico para o Brasil, pois garantirá autonomia de comunicação internacional para o país, por meio de uma conexão de alta velocidade e melhor qualidade. Essas novas rotas diretas também permitirão o barateamento dos custos de internet.

“Para o Brasil, a construção desses cabos é altamente estratégica, impactando positivamente num maior intercâmbio cultural, científico e comercial entre os cinco continentes”, ressaltou Bonilha.

Atualmente, a quantidade de tráfego internacional entre a Europa e América do Norte é 600 vezes maior do que com a América Latina, em virtude da inexistência de uma infraestrutura adequada. (Fonte: Assessoria de imprensa)

PUBLICIDADE
Anterior MPF/SE quer indenização de 300 mil assinantes da Oi por interrupção do serviço
Próximos Oi é condenada por defeitos em orelhões de municípios sergipanos