Notícias com o tag

vestíveis


Fitbit, maior vendedora de pulseiras inteligentes dos EUA, ocupa liderança do ranking. Xiaomi é a segunda, e Apple, a terceira.

Vendas dos dispositivos vestíveis aumentam 171,6% em 2015, com a chinesa Xiaomi crescendo 951,8%.

Conforme o Gartner os smartwaches continuarão a liderar o segmento, mas os capacetes de realidade virtual começarão a ser lançados para os consumidores de games.

Qualcomm, nVidia, Mediatek, Intel anunciaram novos chipsets, processadores e tecnologias para equipar veículos e dispositivos pessoais, com baixo consumo de energia e capacidade de aprendizado.

Venda de pulseira da fabricante chinesa Xiaomi crescem nada menos que 815,4% em um ano, segundo IDC, ameaçando domínio das americanas Fitibit e Apple

Companhia estreou com vendas de 3,6 milhões de unidades, direto na segunda colocação.

A fabricante chinesa apresentou relógico inteligente, phablet, e dispositivo de gerenciamento de saúde

Empresa vai interromper vendas para o consumidor final a partir de 19 de janeiro.

Projeção da Consumer Electronics Association aponta para recorde histórico. Categoria de vestíveis deve faturar US$ 5,1 bilhões.