Notícias com o tag

venda de ativos


Executivos do grupo espanhol, dono da Vivo no Brasil, iniciaram conversas com diferentes fundos

huawei

A venda foi avaliada entre US$2,2 bilhões e US$3,72 bilhões, fábrica e as instalações de pesquisa e desenvolvimento

Unidade Operadora paranaense será vendida pela controladora, estatal de energia Copel, em 9 de novembro

Segundo o COO, Rodrigo Abreu, a Oi também não tem pressa para que o leilão da 5G aconteça, mas continua o seu planejamento estratégico para a geração de caixa.

Para Eurico Teles e Rodrigo Abreu, respectivamente presidente e COO da Oi, plano estratégico apresentado em julho coloca a operadora nos trilhos para retomar o crescimento. Nesta entrevista, os executivos reafirmam a importância do segmento móvel, os prazos de venda de ativos não estratégicos, apontam para participação no próximo leilão de espectro e manutenção do capex em R$ 7 bilhões também em 2020.

Petroleira angolana busca banco para avalizar operação, que pode chegar a US$ 1 bilhão (R$ 4 bilhões). Ações da Oi fecharam em alta nesta quarta-feira, após queda acumulada de quase 62% na última semana.

Venda faz parte de medidas para reduzir custos operacionais da estatal, cuja privatização é defendida por Bolsonaro

Carlos Brandão, CFO da Oi, avisa ainda que a Unitel só será vendida após reestruturação, o que “deve levar algum tempo” para acontecer.

A Cemig anunciou um programa de desinvestimento que envolve a venda de dez ativos, entre os quais seu braço de telecomunicações.

A operadora francesa Orange vendeu 100% de sua empresa de telefonia móvel na Armênia para um provedor local de internet, a Ucom.

O presidente da Telefônica Vivo, Amos Genish, descartou ainda qualquer interesse em uma possível compra da SKY, se ela estivesse à venda pela AT&T

A empresa não planeja fazer demissões, afirma CEO, Rodrigo Abreu.

O presidente da Oi, Bayard Gontijo, disse hoje aos analistas que conta com o dinheiro da PT ainda neste semestre. E avisou que ainda tem torres e ativos africanos para vender.

A empresa confirmou ainda que o board aprovou a venda do restante 20% das ações da operadora francesa Numericable-SFR para a Altice, por 3,9 bilhões de euros. A Altice comprou recentemente a PT Portugal

Os investimentos da empresa para 2015 serão aprovados no orçamento de abril –maio deste ano, e seguirão o padrão dos investimentos do mercado, afirma o executivo. Ele se disse otimista com o futuro da empresa e negou que tenha recebido proposta firme pela operadora de Timor-Leste.

A italiana vai vender uma participação minoritária agora e esperar mais 2 anos e meio pela autorização regulatória.

O Bain Capital e o Apax Partners são citados pela imprensa europeia como interessados pela operadora portuguesa

Em entrevista à agência Reuters, Carlos Slim afirma que não tem preferência pelo comprador, mas não acredita que será mexicano.