Notícias com o tag

TV analógica


Proposta enviada pelo Gired o MCTIC prevê desligar o sinal em 22 de novembro. Previsão inicial era desligar nesta quarta-feira, 8. O grupo também decidiu antecipar o cronograma do switch off nas capitais Boa Vista (RR), Macapá (AP), Palmas (TO), Porto Velho (RO) e Rio Branco (AC).

Região metropolitana tem 87% dos domicílios aptos a receber o sinal digital. O mínimo para haver desligamento do sinal analógico é de 90%.

As cidades de Salvador, na Bahia, e Fortaleza, no Ceará, terão as TVs analógicas desligadas na data programada: próxima quarta-feira, dia 27 de setembro. Conforme pesquisa, 93% das residências de Salvador já estão aptas a receber os sinais de TV digital e, em Fortaleza, a digitalização alcançou 95% das casas. Mas duas outras cidades cearenses, que também deviam ter o fim dos sinais analógicos esta semana, não conseguiram alcançar o percentual mínimo. Juazeiro e Sobral – com 76% e 73% – saíram da lista, por decisão de hoje do Gired. O desligamento nessas duas cidades foi reprogramado para fevereiro de 2018.

O Gired está reunido hoje, 24, para analisar o resultado da última pesquisa na cidade e ela apontou para 92% de residências com o sinal digital, o que assegura que a data previamente marcada seja mantida.

A Anatel liberou o licenciamento da 4G em 700 MHz em mais 156 cidades, o que soma mais de 1,8 municípios onde as operadoras de celular podem levar a banda larga

Desligamentos dos sinais da TV analógica de Belo Horizonte, Fortaleza, Salvador e interior de São Paulo foram adiados

As projeções indicam que nesta terça, 94% das residências da região metropolitana de São Paulo estarão aptas a receber o sinal da TV digital, e portanto todas as emissoras irão desligar as suas transmissões analógicas na quarta-feira, dia 29. Até lá, serão distribuídas 1,1 milhão de caixinhas, e faltarão outras 900 mil a serem entregues ao longo do mês

Cada emissora e retransmissora terá direito a apenas um canal virtual. Empresas têm 10 dias para se adequar.

Seja Digital e Anatel garantem que há tempo para que toda a população apta a receber os kits de digitalização seja atendida e que não há possibilidade de adiamento do switch off

Pesquisa do IBOPE aponta que entre 86% ou 85% (a depender do critério de apuração) das residências da região metropolitana de São Paulo estão aptas a receber o sinal digital de TV. Com esse resultado, que está sendo debatido hoje, 30, pelos representantes da Anatel, dos radiodifusores e das operadoras de celular, o adiamento da data do desligamento, prevista para 29 de março, fica muito difícil de ser confirmado, avaliam algumas fontes.