Notícias com o tag

pagamentos instantâneos


Executivo lembrou que, juntas, operadoras são responsáveis pode R$ 25 bilhões em recargas, e que em poucos meses será possível comprar produtos com o celular fotografando QR Codes.

O SPI começará a funcionar em 3 de novembro de 2020 e atingirá pleno funcionamento em 16 de novembro.

Interessados em participar do sistema de pagamentos instantâneos deverão submeter aplicativos para aprovação do Banco Central. Órgão prevê lançar o PIX em novembro.

Bancos e autorizadas com mais de 500 mil contas ativas passam a ser obrigados a participar desse arranjo

Objetivo é de proporcionar o desenvolvimento de produtos e de soluções que ofereçam uma melhor jornada do usuário na realização de pagamentos, com eficiência e baixo custo.

Estratégia do banco é se antecipar ao surgimento do mercado de pagamentos instantâneos no país, cujas regras estão sob análise no Banco Central e devem entrar em vigor em 2020.