Notícias com o tag

eletroeletrônicos


Já tem gente na indústria de eletroeletrônicos alertando que a escassez prossegue em 2023 e fornecimento só vai se normalizar a partir de 2024 em razão de gargalos logísticos, lockdown na China e invasão da Ucrânia.

A preocupação é que essa desarrumação com falta de componentes, alta de preço, escorregue para o primeiro semestre de 2021. Algumas empresas, inclusive, estão sinalizando com aumento de preços para segurar o produto no canal para que o consumidor segure a compra e não haja desabastecimento. Outras estão oferecendo preços mais atraentes, sangrando as margens.

Importações caem ao menor patamar desde abril de 2016. Segmentos de informática e telecomunicações foram fortemente prejudicados. Resultado se deve à crise de Covid-19.

O crescimento foi menor do que o projetado pela indústria. A venda de aparelhos de TV cresceu 3% e vendidos 12,4 milhões de aparelhos.

Levantamento mostra que Copa do Mundo teve efeito positivo nas vendas de eletroeletrônicos

Segundo a Abinee, apenas a produção de equipamentos de comunicação cresceu no mês. Todos os demais segmentos encolheram. Setor eletroeletrônico voltou a demitir em maio, fechando 1 mil postos de trabalho.

Entidade se volta contra medidas tomadas pelo governo Temer para bancar redução do preço do óleo diesel.

Segundo a Abinee, elevação do saldo negativo foi resultado do aumento de 14,8% nas importações. Exportações permaneceram estáveis

Resultado do mês mostra crescimento de 54% no déficit comercial do setor no primeiro mês do ano, comparado ao mesmo período de 2016