Notícias com o tag

cronograma TV digital


A capital da República terá todos os canais de TV analógicos desligados no dia 26 de outubro deste ano.

Em circuito deliberativo, a Anatel aprovou na noite de sexta-feira, 19, autorização para que as operadoras de celular Algar, Claro, TIM e Vivo adiassem, por um ano, o pagamento da segunda parcela da limpeza da frequência de 700 MHz, que venceria no domingo, dia 31 de janeiro. Esse pagamento, de mais de R$ 1 bilhão, ficou adiado para 31 de janeiro de 2017 porque a agência entendeu que a mudança no cronograma do calendário da TV digital promovida pelo Ministério das Comunicações, que adiou o desligamento da TV analógica da maioria das cidades para a partir de 2017, alterou também as condições do contrato.

O Ministério das Comunicações publicou hoje, 25, o novo cronograma de desligamento da TV analógica, seguindo o que foi acordado entre as operadoras de telecomunicações e as emissoras de TV na semana passada, e estabelecendo que este ano, só haverá duas cidades a serem desligadas: a de Rio Verde, em Goiás, cuja iniciativa foi adiada para 15 de fevereiro; e Brasília, com o switch off marcado para outubro deste ano.

Na última reunião do ano, o Gired só referendou a distribuição de mais conversor na cidade de Rio Verde.

O desligamento da TV analógica na cidade goiana de Rio Verde foi remarcado para 15 de fevereiro. Até lá, a EAD (empresa das operadoras de celular que financia a transição) irá comprar uma caixinha mais simples, que não permitirá acessar a internet, nem fazer a interatividade, para distribuir pelo menos a outras 17 mil famílias com até 3 salários-mínimos.

A proposta é adiar o cronograma de desligamento na maioria das cidades do país para até 2023. Em Brasília, que deveria ter a TV desligada em abril de 2016, a publicidade já começou, mas a intenção é adiar a digitalização.

Se não for atendido o percentual de 93% de lares aptos a receberem o sinal de TV digital, não haverá mais uma data única para o desligamento, mas serão intensificados os procedimentos para que a troca de aparelhos de TV ocorra.

As duas vagas do ministério no grupo que decide sobre a transição da TV analógica para a digital já estão desocupadas, a espera dos novos titulares.

O ministro pretende viajar à cidade que do primeiro teste para a migração para ver como está a entrega do set top box e das antenas e verificar se 93% das residências estarão prontas para receber os sinais.