Notícias com o tag

btg


Leilão judicial da unidade de fibra óptica da Oi não tem surpresas. Levou o BTG, que fez a proposta vinculante mais alta, que se tornou a referência para a disputa. O Digital Colony, que chegou a fazer oferta em abril, não apresentou contraproposta. Com isso, 57,9% da Infraco será vendida por R$ 12,9 bilhões.

Analistas do banco BTG Pactual preveem queda forte do lucro da TIM e da Vivo em 2022 e 2023 se proposta de reforma enviada ao Congresso pelo ministro Paulo Guedes for aprovada. Texto determina tributação de dividendos e muda regras de juros sobre capital, muito utilizado pelas teles.

Juiz Fernando Viana homologou o edital de venda da Infraco. Leilão será como os anteriores: virtual, com presença no tribunal apenas de representante do Ministério Público e do administrador judicial.

Depois de investir R$ 1 bilhão em tecnologia, o BTG Pactual compra a Fator Corretora.

Para armazenamento de dados, o BTG+ utiliza as ferramentas Aurora e Amazon Redis. O Amazon SageMaker serve para formar insights dos dados e o Amazon CloudFormation para gerir algumas operações do banco

Além disso, Oi poderá lançar mão de empréstimo intercompany para antecipar R$ 1,5 bi em créditos para expansão da rede óptica, enquanto o negócio não for selado.

Oi também fornecerá à Infraco direito de passagem e compartilhamento de infraestrutura para instalação

Presidente da Oi, Rodrigo Abreu prevê que leilão, homologação judicial e processo de análise regulatória vão ocupar o segundo semestre deste ano. E diz confiar no aval de Anatel, por entender que a venda preserva a estratégia de migração da concessão para autorização.

Acordo traz cláusula de não competição no atacado. Oi vai se concentrar no varejo e corporativo, recorrendo à infraestrutura da Infraco, da qual será minoritária. Acordo prevê realização de abertura de capital da nova empresa nos próximos anos.

Justiça vai marcar o leilão judicial da venda do ativo, no qual BTG terá direito a cobrir lances mais altos. Banco propôs incorporação da Globenet à Infraco. Após transação, ficará com 57,9% do capital da empresa de infraestrutura, e a Oi poderá utilizar os serviços de transmissão da nova empresa.