Notícias com o tag

banda Ku


Para Claro, TIM e Vivo, entidade que fará a migração da banda Ku terá muitas atribuições e pode atrasar na execução de seus compromissos. Para Anatel e Brisanet, mercado de banda Ku é maduro e ágil.

Apesar de reconhecer que os custos são mais altos do que se a agência optasse pela mitigação da interferência, como queriam as teles, o conselheiro Carlos Baigorri, diz que as vantagens técnicas da decisão são mais vantajosas.

“Temos defendido, desde o princípio, que a migração de usuários da TV por satélite para a banda Ku”, disse presidente da entidade

Na 13ª reunião extraordinária realizada pela agência, conselheiros vão dizer como será resolvida a questão da interferência causada pelo 5G em 3,5 GHz sobre serviços de satélite existentes na banda C.

Proposta das teles que circula em Brasília considera possível a implantação imediata da 5G nas capitais com filtros e admite uso de recursos na migração da TVRO à banda Ku, com previsão de destinação futura da banda C ao serviço móvel.

Agostinho Linhares, gerente de Espectro, Órbita e Radiodifusão da Anatel, diz que não estão previstos novos testes de interferência do IMT na TVRO por parte da agência

Operadoras vão entregar a representantes do governo e à Anatel estudo econômico que indica custos até 7,8 vezes maiores da alternativa de migração dos canais de TVRO para a banda Ku.

Empresa prefere, no entanto, proposta de mitigação, que prevê uso de filtros nas parabólicas capazes de evitar a interferência causada pela 5G.

A Anatel ressalta que o encerramento das atividades vai depender das condições climáticas até a próxima semana na cidade do Rio de Janeiro, onde as experiências são feitas por empresas do setor e acompanhadas por técnicos da agência

Para as emissoras comerciais de TV, os atuais canais de TVROs (TV aberta por parabólica) que ocupam hoje a banda C do satélite devem todos migrar para a banda Ku, pois alegam que em pouco tempo “não haverá mais espaço para a TVRO na Banda C” e argumentam que a instalação de filtros na atuais antenas parabólicas para impedir a interferência da 5G seria “desperdício de recursos públicos”.