RTM aumenta equipe e anuncia novo posicionamento


Crédito: Divulgação
Crédito: Divulgação

A RTM, antes hub de serviços para o mercado financeiro, está com 50% do faturamento atual vindo de soluções de tecnologia da informação e, por conta disso, aumenta a equipe e anuncia novo posicionamento.

Segundo a empresa, essa mudança vem sendo construída há meses e para isso a RTM aumentou em 45% a equipe. Mais que isso, pretende chegar ao final do ano com faturamento de R$ 173 milhões, projeção feita com base no crescimento a um ritmo médio de 13% observado nos últimos anos.

PUBLICIDADE

O anúncio do novo posicionamento, agora como hub integrador, será feito no dia 7 de abril, data em que a companhia completa 25 anos de mercado.

Novos serviços

A RTM planeja o lançamento de novos serviços voltados para o mercado financeiro e aquisição de outras empresas, já dentro do novo posicionamento. Um exemplo desses novos produtos é o RTM Hub Fundos, lançado no início desse mês.

Trata-se de uma plataforma para integração da comunicação entre os fundos de investimentos. Teve custo inicial de R$ 5 milhões.

Evolução

Na evolução de provedora de infraestrutura de telecomunicações para hub integrador do mercado financeiro no país, a RTM oferece soluções de tecnologia para cerca de 700 empresas, entre bancos, corretoras, distribuidoras, assets e instituições de meios de pagamentos, entre outras.

Ampliação

No início desse ano, a RTM ampliou a oferta de produtos voltados à cibersegurança. A empresa também fomenta a inovação no país por meio de várias ações. É parceira corporativa do programa de aceleração da Darwin Startups, dá apoio tecnológico ao Lift Lab, laboratório de inovações financeiras e tecnológicas da Fenasbac e do Banco Central; e é associada à Acate, entidade que fomenta programas sociais.

Atualmente, a RTM mantém duas redes distintas com serviços de missão crítica. A Rede do Sistema Financeiro Nacional (RSFN) é operada em parceria com a Embratel e responsável pela comunicação no âmbito do Sistema de Pagamentos Brasileiro (SPB). Já a extranet financeira provê conectividade aos principais fornecedores, e acesso a serviços e provedores com Sisbacen, Selic, B3, CIP, Tecban, entre outros.

PUBLICIDADE
Anterior Gaispi reitera prazo limite de ativação do 5G nas capitais até fim de julho
Próximos Empresa cria solução que transforma smartphone em terminal de pagamento