Reserva de ações da Brisanet tem início na sexta-feira, 16


Crédito: Freepik

Brisanet confirmou para sexta-feira, 16, o início da reserva de ações referente a oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), prazo que se estenderá até o dia 26 deste mês. A definição sobre o preço das ações está prevista para o dia 27 e deve ficar perto do valor estimado, entre R$13,92 e R$17,26. 

O início das negociações das ações da empresa no novo mercado deve ocorrer no dia 29 de julho, conforme o cronograma apresentado pela Brisanet à Comissão de Valores Mobiliários (CVM). 

Fundada há 22 anos, a companhia conta com mais de 14.400 km de infraestrutura de backbone, 150 Data Centers próprios e 35.100 km de cabos FTTH (“fiber-to-the-home”). Com presença ampla e altamente capilarizada em cinco estados da região Nordeste (Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco e Alagoas), entrega conectividade através de fibra óptica  com planos que variam de 50 Mb até internet de alta velocidade de 1 Gb.

A receita operacional líquida da Brisanet em 2020 chegou a R$ R$ 471,8 milhões, os quais, 

comparados com os R$ 214,9 milhões no exercício social encerrado em 31 de dezembro de 2018, representam uma alta de 48,2%. 

Anterior Fornecedores da Vivo deverão zerar emissões de carbono até 2040
Próximos Estudo detalha problemas na privatização do Serpro