Rede da RNP chega ao Amapá


A Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) estendeu sua rede de fibra óptica para o Amapá, único estado onde ainda não chegava. A infraestrutura passa por 1,8 mil quilômetros da linha de transmissão que leva energia elétrica da hidrelétrica de Tucuruí, no Pará, até Macapá e Manaus – o Linhão de Tucuruí. Dali, RNP e a operadora regional CompuService conectaram a Unifap, na capital Macapá. A conexão atualmente tem capacidade de 250 Mb/s, 100 por fibra óptica e 150 por rádio, com a possibilidade de upgrade para 300 Mb/s nos próximos meses.

A RNP não deve parar aí. A rede planeja uma ligação, com infraestrutura própria, conectando diretamente o Oiapoque a Fortaleza e Fortaleza a Porto Alegre. O projeto vai atender a criação da rede Bella, que formará um anel óptico interligando os países da América do Sul, com saída à Europe pelo cabo que ligará a capital cearense a Lisboa, em Portugal. O cabo será construído pela Telebras em parceria com a Islalink e uma terceira empresa, ainda não definida. Até 2020, a RNP espera investir até R$ 60 milhões na parte brasileira do anel.

PUBLICIDADE
Anterior Vodafone enxerga recuperação do mercado europeu de telecom
Próximos FCC aprova a compra da Sky/DirecTV. Agora, a AT&T vai ter que resolver o Brasil