Receita da Nokia encolhe 7% no trimestre


A finlandesa Nokia divulgou nesta quinta (24) os resultados do segundo trimestre. A empresa viu suas receitas diminuírem 7% em comparação com 2013, ficando em 2,94 bilhões de euros. O lucro operacional, de 347 milhões de euros, caiu 19%. A maior parte do valor, 90%, vem da divisão de redes.

PUBLICIDADE

As vendas da companhia na área de banda larga móvel subiram 6%, ganhando 1,36 bilhão de euros. Segundo a Nokia, as vendas em LTE e em core de rede aumentaram, ao mesmo tempo em que a procura por rádios de outras tecnologias caiu. O departamento de serviços globais encolheu 19%, após faturar 1,19 bilhão de euros.

Como se deu com a Ericsson, a China também representou uma fatia significativa dos negócios da Nokia devido a contratos de fornecimento com a operadora China Mobile para entrega de redes TD-LTE. O crescimento no país foi de 18% ante 2013. No resto do mundo (América Latina, do Norte, Europa e Oriente Médio) a receita caiu dois dígitos.

A venda da divisão de aparelhos à Microsoft impactou fortemente o balanço. A empresa informa que dos 5 bilhões de euros que a operação de venda movimentou, ao menos 4,8 bilhões já foram registrados neste relatório. O dinheiro serviu para pagar as dívidas da divisão Nokia Networks, de 950 milhões de euros.

 

Anterior Telefónica lança comunidade gratuita para desenvolvedores da área de segurança
Próximos Há dez anos, controle da Embratel passava para a Telmex