Queixas contra telefonia móvel caem 21,3% em janeiro


As reclamações contra os serviços de telecomunicações na Anatel caíram 17,5% em janeiro na comparação com igual mês do ano anterior, com 57,5 mil registros a menos. O destaque é para a telefonia móvel, que teve 21,3% das queixas, com um total de 34 mil anotações. A telefonia fixa teve redução 12,6 mil queixas (-16,9%), a banda larga fixa obteve diminuição de 7,7 mil reclamações (-15%), e da TV por Assinatura com menos 3,7 mil queixas (-9%).

Quase todos os grupos da telefonia móvel e fixa acompanhados individualmente pela Anatel apresentaram redução nas reclamações em janeiro deste ano quando comparado com o mesmo mês de 2017. A única exceção foi a TIM que registrou pequeno aumento.

Na telefonia móvel, a Vivo com 19,5 mil reclamações a menos teve a maior redução de queixas (-43,5%), seguida pela Nextel com menos 4,8 mil (-43,2%), Claro com diminuição de 7,4 mil (-22,9 %), Oi com redução de 2,7 mil (-13,7%), e a TIM registrou com um aumento de 500 reclamações (+0,9%). Na telefonia fixa, a Oi registrou 7,6 mil reclamações a menos (-19%), seguida da Vivo com redução de 4,1 mil (-17,4%) e da NET com menos 1.300 reclamações (-14,5%).

PUBLICIDADE

Nos grupos de TV por Assinatura, a Sky com acréscimo de 1,6 mil reclamações (+12,7 %) foi o único que registrou aumento em janeiro de 2018 em relação ao mesmo mês do ano passado. No entanto, apesar de o Grupo NET/Claro ter registrado 3,2 mil reclamações a menos (-15,7%), separadamente a NET registrou redução de 700 queixas (-4,8%) e a Claro redução de 2,5 mil reclamações (-37,4 %). A Oi teve menos 1,8 mil queixas (-37,1%) e a Vivo menos 300 reclamações (-8,8%).

Na comparação entre janeiro de 2018 e janeiro de 2017, a NET apresentou um acréscimo de 100 reclamações na banda larga fixa (+ 1,4%). A Oi registrou queda de 6,8 mil (-28,3%) e a Vivo menos 2,8 mil queixas (-19%).

Veja aqui as tabelas com as reclamações registradas na Anatel.

Anterior UE pressiona para que 5G seja implantada mais rapidamente na Europa
Próximos Cemig anuncia data de incorporação da Cemig Telecom