Publicado aval à criação da Fiberco por TIM e grupo IHS


A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) publicou hoje, 4, no Diário Oficial da União a anuência prévia à venda do controle acionário da Fiberco da TIM para o grupo IHS. A operadora seguirá com 49% das ações. Com a publicação, as empresas podem concluir a transação. Segundo falou o CEO da TIM, Pietro Labriola, isso ocorrerá já na próxima semana, no dia 9.

PUBLICIDADE

A Fiberco é um spinoff do ativos de fibra óptica utilizados para a entrega de serviços de banda larga fixa da TIM Live. Pelo controle, a IHS pagará R$ 1,6 bilhão à TIM. A nova empresa tem como propósito ser uma concorrente no mercado crescente de redes neutras de acesso em FTTH (fibra até a residência).

A TIM será a cliente âncora dessa empresa, ou seja, a maior contratante e aquela com prioridade para uso da infraestrutura construída. Atualmente, a tele possui 675 mil assinantes de banda larga fixa, atrás das rivais Claro, Telefônica, Oi, Brisanet e Algar.

A base inicial de ativos da Fiberco será constituída pela infraestrutura de rede secundária da TIM que cobre, aproximadamente, 6,41 milhões de domicílios, sendo 3,5 milhões em FTTH (fibra até a casa do cliente) e 3,5 milhões em FTTC (fibra até o armário da operadora). A FiberCo deverá ter, em quatro anos, 8,9 milhões de homes passed (casas aptas a assinar banda larga por fibra).

A anuência prévia foi confirmada na reunião do Conselho Diretor da Anatel na semana passada.

O Cade liberou o negócio em junho.

PUBLICIDADE
Anterior Com expectativa de ágio, leilão do 5G se prorrogará até o dia 9, avisa presidente da Comissão de Licitação
Próximos Cade libera a venda de empresa de música da Globo para a Sony