PORTAL DE TELECOM, INTERNET E TIC

Tecnologia

Polícia Federal adquire sistema de identificação biométrica com reconhecimento facial

O ABIS, evolução do AFIS, fará o cruzamento de dados entre impressão digital e reconhecimento facial para a identificação de pessoas
Por : Pixabay

A Polícia Federal assinou hoje, 6, a contratação da nova Solução Automatizada de Identificação Biométrica (ABIS). O sistema possibilitará a identificação de pessoas com coleta, armazenamento e o cruzamento de dados da impressão digital e reconhecimento facial. O consórcio Iafis Brasil e Idemia é o fornecedor da solução.

Gestões anteriores da Polícia Federal já haviam solicitado ao Tribunal de Contas da União (TCU) a aquisição do ABIS e tiveram os pedidos negados pelo órgão. Agora, com o destravamento do processo de aquisição, o objetivo é unificar os dados das Secretarias de Segurança Pública dos estados. Isso com base em uma parceria da PF com o Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio da Secretaria Nacional de Segurança Pública, e com os Estados. Assim, as polícias judiciárias estaduais irão dispor de acesso a uma base biométrica nacional.

O ABIS tem capacidade de armazenar dados de 50,2 milhões de pessoas em 48 meses. Há a possibilidade de expansões posteriores que poderão conter dados de até 200 milhões de indivíduos. A solução já entrará em operação com 22,2 milhões de dados que virão do AFIS.

A tecnologia é uma evolução do Sistema Automatizado de Identificação de Impressões Digitais (AFIS), em uso há 16 anos na PF. Com o tempo, poderá haver a completa integração com outros modelos de identificação biométrica, como íris e voz.

Além dos softwares da ABIS, o órgão adquiriu um conjunto de equipamentos composto por estações de cadastramento, estações forenses e dispositivos móveis de coleta, verificação e identificação. Cada Papiloscopista Federal terá uma estação portátil ABIS operacional conectada ao ABIS central. (Com assessoria de imprensa)

TEMAS RELACIONADOS

ARTIGOS SUGERIDOS



 

Chatbot com IA da Mundiale automatiza vendas dos ISPs em até 84%
ISPs ainda podem contar com envio automatizado de boleto com régua de cobrança para reduzir a inadimplência e com gerenciamento fim-a-fim.