Piauí Conectado pode emitir até R$ 152 milhões em debêntures incentivadas


A Sociedade de Propósito Específico Piauí Conectado está autorizada a emitir R$ 152,8 milhões de debêntures incentivadas. O projeto de investimentos foi aprovado pelo Ministério das Comunicações e publicado na edição do Diário Oficial da União desta terça-feira, 18. 

O objetivo do projeto é implantar, ampliar, manter, recuperar, adequar e modernizar rede de transporte, rede local sem fio, centro de dados (datacenter), infraestrutura de rede para telecomunicações e infraestrutura para virtualização de rede de telecomunicações do Piauí. O objetivo da SPE é assegurar acesso à internet banda larga para os 224 municípios do estado e alcançará 12 mil quilômetros de rede de fibra óptica. 

PUBLICIDADE

O Projeto Piauí Conectado é uma iniciativa de Parceria Público-Privada (PPP) que prevê a implantação de uma rede de fibra óptica de internet de qualidade e menor custo. O objetivo é que essa rede atenda as demandas da população piauiense nas três principais áreas da administração pública: educação, saúde e segurança. 

Anterior C6 Bank aposta nos recebíveis de cartão para clientes PJ
Próximos AgroBee e CPQD desenvolvem projeto com IoT e IA para polinização assistida