PORTAL DE TELECOM, INTERNET E TIC

Notícias DMI

PF deflagra operação contra lavagem de dinheiro no interior de SP

A investigação, iniciada a partir dos desdobramentos da operação “Pau na Gata I”, deflagrada em outubro de 2019, revelou a existência de um esquema sofisticado de lavagem de dinheiro estruturado por presidente de sindicato em São José dos Campos.

lavagem de dinheiro (crédito: Freepik)

A Polícia Federal deflagrou hoje, 30,  a Operação Smurfing com o objetivo de reprimir esquema voltado à lavagem de dinheiro praticada por organização criminosa comandada por investigado que durante os anos de 2019/2020 ocupou a função de presidente de um sindicato em São José dos Campos/SP. À época, a investigação foi feita contra o presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria da Construção e Montagem Industrial  ( Sintricom) em São José dos Campos.

Na ação de hoje, são cumpridos cinco mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal de São Paulo/SP, nos municípios de São José dos Campos/SP (3), Jacareí/SP (1) e Itapevi/SP (1).

A investigação, iniciada a partir dos desdobramentos da operação “Pau na Gata I”, deflagrada em outubro de 2019, revelou a existência de um esquema sofisticado de lavagem de dinheiro estruturado pelo líder da organização criminosa e seus associados que, após desviarem ilegalmente cifras milionárias do sindicato de São José dos Campos, movimentaram os recursos em contas de laranjas, incluindo a de uma igreja e a de membros de uma loja maçônica, para, então, adquirir bens em nome de outras pessoas e custear viagens internacionais e presentes aos próprios investigados e a pessoas próximas.

Em apenas uma das contas bancárias identificadas, o grupo movimentou cerca de R$ 360 mil, boa parte desse montante dividido em dezenas de depósitos realizados em apenas três dias, sempre em valores menores para dificultar a identificação do responsável pela movimentação.

O Poder Judiciário determinou, ainda, o bloqueio de contas bancárias dos envolvidos, os quais responderão pelos crimes de lavagem de dinheiro e peculato. Se condenados, as penas podem chegar a 22 anos de prisão.

Operação ‘Pau na Gata I’

A operação ‘Pau na Gata I’, realizada em outubro de 2019, apreendeu R$ 260 mil em espécie, uma pistola com silenciador e numeração raspada, munições de .380, um bloqueador de sinais de celular, computadores e documentos no Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias da Construção e Montagem Industrial (Sintricom) em São José dos Campos.

(com assessoria de imprensa).

TEMAS RELACIONADOS

ARTIGOS SUGERIDOS