Pente Networks implanta núcleo redundante 4G e 5G para a Datora


Iot, internert das coisas. Crédito: Freepik.
Iot, internert das coisas. Crédito: Freepik.

Em janeiro de 2021, a Datora Telecom estabeleceu presença em Israel, com foco na busca de novidades em tecnologias para Internet das Coisas e Telecomunicações Móveis e Fixas. Dentre as várias parcerias com empresas israelenses em andamento, destaca-se a aquisição junto à Pente Networks, de um núcleo de rede totalmente virtualizado e que pode ser particionado tanto na infraestrutura da Datora/Arqia ou ser colocado nas instalações de clientes que tenham demanda por redes móveis privadas, seja 4G ou 5G. Neste caso, dizem as empresas, a gestão continua centralizada, inclusive com dados de uso e relatórios.

“A Datora continua em busca de mais parceiros nos diversos ecossistemas de inovação do mundo e em especial em Israel, através de nossa presença local”, comenta Daniel Tibor Fuchs, VP de inovação e fundador da Datora.

PUBLICIDADE

Samy Uziel, VP de novos negócios do Grupo Datora, também destaca a relevância da solução implementada: “o core da Pente Networks nos traz vários benefícios, incluindo o funcionamento como redundância completa de nosso núcleo atual, a possibilidade de atuação com 5G no modo ‘Stand Alone’, a entrada no segmento de redes móveis privadas e um ganho de flexibilidade com sistemas de parceiros e clientes, aumentando consideravelmente as funcionalidades para o mercado de IoT”.

Este é um dos frutos das parcerias com que a Datora está trabalhando no ecossistema israelense. “Dentro dos próximos 2 meses, pretendemos divulgar mais parcerias nas mais diversas áreas, trazendo a tecnologia de ponta de Israel para o solo brasileiro”, afirma Samy Uziel.

O mercado brasileiro demanda adaptações dos modelos de negócio de lá. “O tamanho do Brasil e suas diferenças culturais e econômicas das diversas regiões trazem um desafio para o qual o israelense não está preparado. Não se trata de uma simples tropicalização”, comenta Daniel Fuchs. (Com assessoria de imprensa)

PUBLICIDADE
Anterior Para CEO da Datora, ofertas para MVNOs das grandes teles são "mais do mesmo'
Próximos Proposta em consulta atualiza celular por satélite em banda Ka