Oi publica nova meta para assembleia de amanhã: redução da dívida em 2016


A Oi divulgou ontem à noite ,10, fato relevante para a nova assembleia a ser realizada neste dia 12 (quinta-feira), e que deverá aprovar a venda da Portugal Telecom para a Altice. Mantém a previsão de endividamento de 4,5 vezes o EBITDA e de até 6 vezes o EBITDA para 2014, se tiver que assimilar as dívidas da operadora portuguesa. Mas o comunicado traz uma novidade: prevê redução substancial da dívida em 2016, de até 4 vezes o EBITDA já a partir do primeiro trimestre do próximo ano.

A Oi divulgou ontem à noite ,10, fato relevante para a nova assembleia a ser realizada neste dia 12 (quinta-feira), e que deverá aprovar a venda da Portugal Telecom para a Altice. Mantém a previsão de endividamento de 4,5 vezes o  EBITDA e de até 6 vezes o EBITDA para 2014, se tiver que assimilar as dívidas da operadora portuguesa. Mas o comunicado traz uma novidade: prevê redução substancial da dívida em 2016, de até 4 vezes o EBITDA já a partir do primeiro trimestre do próximo ano.

A Assembleia de debenturistas que estava convocada para o dia 26 de janeiro, para decidir sobre a venda da PT Portugal (operadora) para a francesa Altice (operação aprovada pela golidng PT SGPS na semana passada), acabou adiando a decisão, para que a concessionária detalhasse a dívida da empresa com a operação da Portugal Telecom.

Na convocação da assembleia desta semana, a Oi também informa que não haverá distribuição de dividendos, conforme a empresa já havia comunicado ao mercado.

 

Anterior Sony apresenta novo smartphone de entrada
Próximos Alcatel-Lucent lança small cells com metade do tamanho