Oi contrata consultoria para propor novo Conselho de Administração


A Oi comunicou ao mercado na noite desta segunda-feira, 7, a contratação da consultoria Egon Zehnder. A consultoria deverá fazer uma avaliação do Conselho de Administração da concessionária a fim de sugerir uma nova composição na assembleia geral ordinária de 2021, ainda sem data para ocorrer.

“Com esse passo, a Companhia inicia a criação do marco dentro do qual será elaborada a proposta aos acionistas de composição do futuro conselho, de forma estruturada, transparente, criteriosa e alinhada com as melhores práticas de governança corporativa, em benefício da empresa e de todos os seus stakeholders”, diz o comunicado da companhia.

PUBLICIDADE

A Oi afirma que a reformulação do conselho será necessária para atender as necessidades do grupo após a reestruturação pela qual vem passando. Desde 2016 a Oi está em recuperação judicial. Neste ano, a tele começou a venda de ativos. Em novembro, se desfez de data center e torres. Na próxima semana acontece o leilão da Oi Móvel, na qual serão vendidos ativos que incluem não apenas infraestrutura, como lojas, carteira de clientes celulares e espectro. As rivais Claro, TIM e Vivo se juntaram em consórcio e têm preferência pela unidade.

Ao fim da reestruturação, a Oi será uma empresa que oferece serviços ao consumidor final de banda larga e telefonia fixa. Terá ainda participação minoritária em uma empresa atacadista de rede óptica, que por enquanto é chamada de Infraco.

Anterior Anatel autoriza Bordeaux a assumir o controle da Sercomtel
Próximos Huawei: interoperabilidade é chave para eficiência