Oi confirma recebimento de propostas firmes pela Infraco


A Oi confirmou ontem, 25, o recebimento de propostas vinculantes pela sua unidade de redes ópticas, a Infraco.

PUBLICIDADE

A companhia recebeu no dia 22 de janeiro uma do fundo Economia Real, administrado pelo banco BTG Pactual, e outra do fundo norte-americano Digital Colony, que no Brasil é dono da provedora de infraestrutura Highline.

O comunicado confirma que as ofertas entregues propuseram o pagamento de valores acima do valor mínimo estabelecido pela companhia, que era de R$ 9 bilhões. Os proponentes podiam definir a aquisição entre 25,5% e 51% das ações com direito a voto da Infraco, e ambos apresentaram intenção de arrematar 51%. O pagamento mínimo estipulava R$ 6,5 bilhões com a compra de ações e pelo menos R$ 2,5 bilhões para a quitação de dívida que a Infraco terá com a Oi a partir da separação.

A Oi passa a negociar agora os termos das propostas recebidas. Informa que “poderá se engajar em tratativas com o ofertante da melhor proposta, em regime de exclusividade, com o objetivo de negociar os instrumentos finais que serão divulgados no processo competitivo, por meio do respectivo Edital a ser oportunamente publicado”.

A previsão original da operadora é de que o leilão judicial da Infraco aconteça no terceiro trimestre deste ano, mas a definição da proposta preferencial (stalking horse) se dará ainda neste trimestre.

Anterior O futuro bate na nossa porta
Próximos IoT de duas formas