PORTAL DE TELECOM, INTERNET E TIC

Mercado

Nokia e Telefónica firmam parceria para oferecer redes privativas na América Latina

Empresas planejam impulsionar a oferta de redes corporativas LTE e 5G, com foco nos setores de portos, mineração, energia e manufatura; aliança se concentra nos países em que a multinacional espanhola opera com a marca Movistar
Nokia e Telefónica firmam parceria para implantar redes privativas na América Hispânica
Nokia e Telefónica vão implantar redes privativas em indústrias da América Hispânica (crédito: Freepik)

A Nokia e o Grupo Telefónica anunciaram, nesta quarta-feira, 28, uma parceria com o objetivo de acelerar a transformação digital das empresas na América Latina. Juntas, as companhias vão oferecer e implantar soluções de ponta a ponta para redes privativas sem fio e disponibilizar plataformas de digitalização de negócios.

O foco da aliança são os territórios em que a Telefónica classifica como América Hispânica (Argentina, Chile, Colômbia, Equador, Uruguai, Venezuela, México e Peru) e realiza suas operações utilizando a marca Movistar. De acordo com a multinacional espanhola, a parceria deve impulsionar a oferta de redes privativas LTE e 5G.

“A aliança se concentrará nas indústrias mais promissoras da região, incluindo portos, mineração, energia e verticais de manufatura na América Hispânica”, diz o comunicado da Nokia.

Por meio da parceria, a empresa finlandesa, que no início do ano anunciou que direcionaria suas atividades para o mercado corporativo, deve fornecer equipamentos robustos de conectividade de banda larga, com menor latência, maior previsibilidade e maior segurança.

Segundo pesquisa recente da Nokia e da GlobalData com 79 multinacionais que implantaram redes sem fio privadas, quase 80% indicam que esperam obter o retorno sobre o investimento (ROI) em um período de seis meses.

Em nota, o chefe da equipe da Nokia designada para atender a Telefónica Hispam, Néstor González, apontou que a parceria deve alcançar “uma ampla variedade de empresas e indústrias em toda a região”. Além disso, afirmou que “as empresas na América Latina têm um tremendo potencial de ganhos de produtividade da Indústria 4.0”.

TEMAS RELACIONADOS

ARTIGOS SUGERIDOS



 

Chatbot com IA da Mundiale automatiza vendas dos ISPs em até 84%
ISPs ainda podem contar com envio automatizado de boleto com régua de cobrança para reduzir a inadimplência e com gerenciamento fim-a-fim.