No Brasil, produtos da Apple são os mais caros do mundo


Brasil. Créditos: Divulgação
Créditos: Divulgação

O Brasil é o país onde os produtos da Apple são os mais caros do planeta, aponta pesquisa do portal de descontos Cupom Valido, Statista e Nukeni. Ao levar em consideração o salário mínimo do país, os brasileiros precisam trabalhar o equivalente a 14 meses para comprar um iPhone 13 Pro Max  com armazenamento de 1 TB.

O número está longe dos estadunidenses, que precisam de pouco mais de 1 mês para comprar o mesmo smartphone. Já os australianos necessitam de apenas 12 dias de trabalho, já que a Austrália possui o maior salário mínimo mundial. Outros países emergentes, como a Turquia e Índia, também estão próximo do Brasil no quesito de maiores preços.

De acordo com a pesquisa, os preços elevados no Brasil resultam do imposto e câmbio. Cerca de 40% do preço de um iPhone é destinado ao pagamento de impostos. Os aparelho que chegam no país tem de pagar tributos como IPI, imposto de importação, PIS, COFINS e ICMS. O Real foi a moeda que mais de desvalorizou no mundo, com mais de 40% de queda, aumentando de forma significativa o preço de produtos importados.

Crédito: Cupom Válido
Crédito: Cupom Válido

A marca cobiçada por aficionados pela tecnologia é também a mais valiosa do mundo, com US$ 408 bilhões de valor. A companhia está na frente da Amazon, Microsoft e Google, respectivamente. No Brasil, a marca tem um público fiel. Cerca de 14% dos smartphones vendidos no país são da iPhones.

Ao considerar todos os produtos da marca (Macbook, AirPods, iPhone, iPad e iMac) e todas as configurações (desde a menor armazenagem até a maior), o Brasil sempre fica em primeira posição com o preço mais caro do mundo. Outros países da América Latina também dispõe de preços até 50% menores que os do Brasil.

 

PUBLICIDADE
Anterior Simplificação regulatória é tema da live do Tele.Síntese desta sexta
Próximos MediaTek anuncia lançamento de chips Filogic 130