Netflix chega oficialmente a Cuba


O Netflix anunciou o início de operações em mais um país: Cuba. A partir de hoje (9), qualquer pessoa que disponha de uma forma de pagamento internacional (cartão de crédito, por exemplo) no país poderá contratar o serviço de streaming da companhia. O preço será de US$ 7,99.

A empresa destaca que todas as séries e documentários originais – como “House of Cards”, “Orange is the New Black” e o documentário “The Square”, sobre os efeitos da Primavera Árabe no Egito – estarão à disposição dos usuários cubanos.

“Cuba possui grandes cineastas e uma cultura artística robusta, e um dia esperamos conseguir incorporar a produção local ao conteúdo para nossa audiência de 57 milhões de pessoas no mundo”, afirma o CEO do Netflix, Reed Hastings.

PUBLICIDADE

A chegada da empresa norte-americana ao país acontece pouco depois da reaproximação entre Estados Unidos e Cuba. O país latino-americano possui 2,9 milhões de pessoas conectadas à internet, cerca de 25,6% da população apenas, segundo dados do governo local e da União Internacional de Telecomunicações de 2013, os mais recentes divulgados. Segundo o site Test My Net, que mensura a velocidade da internet por regiões, a conexão média na ilha é de 1,2 Mbps.

Anterior Neurociência aplicada ao consumo na propaganda da AACD. Via Nielsen.
Próximos Na agenda do Minicom, massificar banda larga com leilão reverso e atualizar a concessão.