Moto G 5G Plus será compatível apenas com a rede 5G DSS da Claro


A Motorola anunciou na manhã de hoje, 22, o início das vendas do novo smartphone moto g, linha campeã de vendas da empresa, de custo intermediário. A novidade é que o aparelho trará conectividade 5G pela metade do preço do único celular disponível até então no mercado brasileiro com essa capacidade, o Motorola Edge.

A fabricante fechou acordo com a Claro, que vai ser a única operadora a revender o modelo a partir de amanhã, 22, por R$ 3 mil. Outra forma de comprar o dispositivo será pela loja virtual da Motorola.

PUBLICIDADE

Dizem as empresas que o Moto G 5G Plus, como foi batizado o produto, é compatível apenas com a rede 5G DSS da operadora. Após o leilão de espectro a ser feito pela Agência Nacional de Telecomunicações em 2021, ele passará a ser compatível com as redes de outras operadoras, uma vez que já está preparado para o uso da 5G também nas novas frequências.

Características

Além de conectividade ultrarrápida para baixar filmes em segundos e jogar partidas on-line com baixa latência, o moto g 5G plus inova mais uma vez, ao trazer para o mercado brasileiro a câmera selfie frontal dupla com ultra-wide2; 8 GB de memória RAM; tela com taxa de atualização de 90 Hz; e bateria de 5.000 mAh, além do carregador Turbo Power.

O moto g 5G plus traz o primeiro sistema de câmera selfie dupla com um sensor ultra-wide, que enquadra quatro vezes mais, segundo a companhia. Seu segundo sensor de 16 MP utiliza tecnologia Quad Pixel, com quatro vezes mais sensibilidade à luz para fotos mais claras em condições de pouca luz.

O conjunto de câmeras traseiras é formado por uma câmera principal de 48 MP, uma lente ultra-wide, um sensor de profundidade para permitir o registo de imagens com fundos “borrados”, conforme a descrição da companhia. Tem ainda um sensor macro. O dispositivo traz ainda o modo Night Vision, que aplica inteligência artificial no processamento da imagem, tornando fotos tiradas em ambientes com pouca luz mais fidedignas.

A tela é Full HD+ de 6,7, com certificação HDR10 e proporção 21:9. Possui taxa de atualização de tela de 90 Hz. O chipset é um Qualcomm Snapdragon 765, que integra a velocidade do 5G com o Sistema Modem RF Qualcomm Snapdragon X52. O armazenamento interno é de 128 GB.

Onde o 5G DSS da Claro funciona?

A rede 5G DSS da Claro, por enquanto, tem alcance limitado. A empresa ampliou a cobertura desde o lançamento em em julho. Agora, os usuários podem acessar a internet com 5G DSS na Av. Paulista, Jardins, Campo Belo, Vila Madalena, Pinheiros, Itaim, Moema, Brooklin, Vila Olímpia, Cerqueira César, Paraíso, Ibirapuera, Santo Amaro e Berrini) e Rio de Janeiro (Ipanema, Leblon, Lagoa e por toda a orla, do Leme à Barra da Tijuca, passando por Jardim Oceânico, Joá, São Conrado e Copacabana).

Anterior Vivo e BCG em Live Tele.Síntese dessa sexta apontam tendências para 2021
Próximos Balbino: leilão 5G será o início de um novo cenário competitivo no setor