Minicom pode fechar Secretaria de Inclusão Digital


Imagem: Camila Sipahy, baseado em Freepik
Imagem: Camila Sipahy, baseado em Freepik

O aperto orçamentário tem levado vários ministérios a reavaliarem suas estruturas, até por pressão do Planejamento. As discussões sobre a reforma administrativa no âmbito do Minicom estão em banho-maria. Uma das hipóteses discutidas, segundo assessores, envolve a extinção da Secretaria de Inclusão Digital e a transferência de suas atividades para a Secretaria Executiva. Mas o martelo ainda não foi batido.

“O enxugamento de estruturas está em compasso de espera em vários ministérios”, comenta um dos envolvidos nas discussões. Na verdade, só o Ministério do Planejamento e a Secretaria de Governo já concluíram o processo de revisão de suas estruturas. Embora tenha sido criada recentemente, a Secretaria de Governo herdou três estruturas antigas.

Criada na administração Paulo Bernardo, a Secretaria de Inclusão Digital envolve duas áreas: a de articulação e formação e a de infraestrutura. Se a primeira área sofreu uma série de reveses com o esvaziamento do Telecentros.Br, o Departamento de Intraestrutura para Inclusão Digital, que abriga o Programa Cidades Digitais e o Programa Gesac, segue prestigiado, apesar do contigenciamento dos recursos.

Anterior Oi quer PGMU já e alega "sustentabilidade ameaçada"
Próximos Telefônica Vivo lança serviço médico on line