Mercado Livre amplia entrega no mesmo dia para mais 100 cidades do país


Divulgação
Divulgação

O Mercado Livre anunciou a ampliação da entrega no mesmo dia para mais 100 cidades brasileiras. A expansão chega para somar às modalidades de entrega em até 1 dia para 2,1 mil cidades (75% das entregas) e 2 dois dias para 4,7 mil cidades do Brasil (90% das entregas).

A ampliação é parte do resultado do investimento de R$ 17 bilhões no país, anunciado pelo Mercado Livre no primeiro trimestre, e do foco da empresa na expansão nas entregas rápidas, que já representam 20% da operação Fulfillment.

PUBLICIDADE

Além disso, companhia já anunciou a inauguração de quatro novos centros de distribuição no Estado de São Paulo. Com isso, aumenta para mais de 2 milhões de pacotes a sua capacidade diária de transação logística e amplia a infraestrutura logística para 1.029 km em operações de fulfillment (em que a empresa é responsável por todo o processo logístico).

Logística

No primeiro trimestre de 2022, cerca de 54% das entregas da modalidade Full foram realizadas no mesmo dia, segundo Gustavo Pompeo, diretor de operações logísticas do Mercado Livre.

Ele diz que essa larga escala de entregas no mesmo dia leva a uma complexa necessidade de aprimoramento, que vai da frota logística à armazenagem.

A companhia tem uma frota própria de veículos composta por 51 carros elétricos, 3 mil caminhões, 1.100 vans e 26 carretas movidas a gás; e mais de 13 mil veículos atuando na última milha. Em abril de 2022, o Mercado Livre contratou 6 aviões cargueiros da Gol, que farão o transporte exclusivo de cargas para o site e aplicativo de comércio eletrônico pelos próximos 10 anos.

A empresa, que opera com 3 mil agências, 10 centros de distribuição Fulfillment, 1 receiving center, 17 cross dockings e mais de 100 service centers, chegou a US$ 2,2 bilhões de receita no primeiro trimestre de 2022, um crescimento de 67,4% em moeda constante. O volume de vendas atingiu US$ 7,7 bilhões.

PUBLICIDADE
Anterior Qualcomm compra a Cellwize por US$ 350 milhões
Próximos Com ICMS que chega 50% da conta, setor de telecom comemora aprovação do PLP18