Mercado de femtocell deve crescer 77% ao ano até 2018


O mercado global de femtocell ainda engatinha no mundo, mas tem potencial para se tornar fator crucial para o sucesso das operadoras de telefonia móvel, segundo a empresa de pesquisas de mercado Infonetics, do Reino Unido. A empresa divulgou dados preliminares de um estudo que aponta para um crescimento composto de 77% ao ano entre 2013 a 2018 para o mercado desta tecnologia.

No primeiro trimestre deste ano, as vendas de femtocells somaram US$ 144 milhões, 6% mais que no trimestre imediatamente anterior. Para 2018, a expectativa é que somem US$ 2,3 bilhões. Segundo a empresa, as femtocells LTE se mostram mais rentáveis, com ARPU mais elevado que as W-CDMA, apesar de estas últimas ainda predominarem.

O setor residencial foi o que mais absorveu femtocells, responsável por 59% das instalações no primeiro trimestre deste ano. As femtocells integradas foram 8% das vendas no período. Devem ser mais de 30% do mercado em 2018. As maiores fabricantes, por ordem de market share, são Airvana, Alcatel-Lucent, Cisco e IP.Access. A empresa não quis especificar qual a margem de cada uma. (Com assessoria de imprensa)

PUBLICIDADE
Anterior Proteste contesta novo tipo de cobrança de internet pelo celular
Próximos Dilma promete universalização da banda larga até 2018