Toma posse novo presidente da Sercomtel


cadeirasLuiz Carlos Adati tomou posse como presidente da Sercomtel na última terça-feira, 17. Ele exercerá mandato até 2020, por indicação do novo prefeito de Londrina, Marcelo Belinati (PP-PR). Também foi nomeada a nova diretora Financeira, Rosângela de Oliveira.

O novo presidente da empresa de telecomunicações é engenheiro agrônomo e sócio diretor da rede de estacionamentos Estacenter Parking, presente em cinco estados. É também vice-presidente para assuntos jurídicos da Associação Brasileira de Estacionamentos.

“A nossa prioridade será a recuperação econômica e financeira da empresa [Sercomtel]. Vamos consolidar uma governança capaz de retomar a credibilidade da companhia junto aos acionistas: Prefeitura de Londrina e Copel; ao mercado; às autoridades públicas; e à sociedade”, disse Adati em discurso de posse.

PUBLICIDADE

Ele é o 23º presidente da sociedade de economia mista, criada em 1964 como autarquia do Município de Londrina, com o nome Serviço de Comunicações Telefônicas de Londrina – Sercomtel. Nos quatro anos anteriores a empresa foi presidida Guilherme Casado.

“Vamos formatar um sistema de Grupos de Trabalho, com a participação de funcionários de todos os setores da companhia, para realizarmos um diagnóstico preciso da realidade atual da empresa. Os grupos serão compostos de maneira multissetorial para apresentarem propostas para curto, médio e longo prazo. Esta dinâmica, associada ao planejamento estratégico, é um compromisso que eu assumo e que exigirá criatividade na busca de soluções”, completa Adati.

Conforme o último balanço anual publicado, a Sercomtel faturou R$ 251 milhões em 2015, com lucro líquido de R$ 6,9 milhões. De acordo com dados da Anatel, encerrou 2016 com 71,4 mil clientes em telefonia móvel. Até novembro, Sercomtel/Copel tinham 167,4 mil acessos em banda larga e 86,4 mil clientes de telefonia fixa em regime autorizado e outros 175 mil em concessão. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Herdeiro da Samsung não vai para a prisão
Próximos Paulo Cesar Teixeira pode voltar ao setor pela Claro?