Luigi Gubitosi mantém-se CEO da Telecom Italia por mais três anos


Os acionistas da Telecom Italia (TIM) votaram hoje, 31, a favor de manter o atual presidente-executivo Luigi Gubitosi no cargo por um segundo mandato de três anos. Também aprovaram pagamento de dividendos na proporção de 1 centavo de euro por ação ordinária e 2,75 centavos de euros por ações preferenciais. Os dividendos serão pagos em 23 de junho deste ano.

Gubitosi, que assumiu o comando da TIM em 2018, será renomeado como CEO em uma reunião do conselho de amanhã, depois que os acionistas presentes na assembleia geral anual apoiaram a lista de 10 conselheiros apresentada pela TIM.

PUBLICIDADE

Ao lado de Gubitosi e do presidente Salvatore Rossi, a lista incluía representantes dos principais acionistas da TIM, a francesa Vivendi e o credor estatal italiano CDP.

O presidente do CDP, Giovanni Gorno Tempini, é novo membro no conselho da TIM, assim como o CEO da Renault, Luca de Meo. Os representantes da Vivendi, Arnaud de Puyfontaine e Frank Cadoret, foram confirmados como membros do conselho. (com agências internacionais.)

 

Anterior Facebook anuncia que usuários poderão customizar seus feeds
Próximos Tráfego de dados da Angola Cables alcança 1,2 terabits