KKR pode aumentar preço pela Telecom Italia


 

As ações da Telecom Italia subiram mais de 15% nesta quarta-feira, 24, com a possibilidade de aumento da oferta do fundo KKR pela operadora. Ante a oferta inicial de 0,505 euro por ação, o fundo estaria cogitando aumentar para 0,70 ou 0,80 euro por ação. O incremento na oferta teria o objetivo de diminuir as resistências da Vivendi.

PUBLICIDADE

Ontem, a Vivendi disse às agências internacionais que  não estava interessada em vender sua parte na Telecom Italia, mas admitia trabalhar com todas as partes interessadas no sucesso da operadora italiana. A informação é da Reuters, que ouviu representante do grupo francês após a oferta da KKR para compra do maior grupo telefônico da Itália.

O fundo norte-americano propôs um valor patrimonial de 10,8 bilhões de euros, subindo para 33 bilhões quando se leva em conta a dívida líquida da Telecom Italia. Segundo a agência de notícias, a Vivendi gastou em média 1,07 euro por ação por sua participação de 24% na Telecom Italia, e carrega em balanço a 0,83 euro. Por isso, a companhia afirmou que a proposta de pouco mais de € 0,5 por ação da KKR não refletia o valor da empresa.

Pela proposta do fundo, a oferta precisa de um limite mínimo de aceitação de 51%, o que significa que o apoio da Vivendi não é necessário para que ela seja aprovada. No entanto, o fato do conglomerado ser o acionista principal da TIM e do fechamento negócio precisar de no mínimo 2/3 do Conselho pode representar barreiras para as pretensões do fundo estadunidense. Além disso, a transação está sujeito ao veto do governo italiano. (Com agência Reuters)

PUBLICIDADE
Anterior 5G tem muito a oferecer ao mundo corporativo, diz Embratel
Próximos Baigorri e Coimbra devem ser sabatinados no Senado ainda neste mês