Kassab forma a diretoria da Telebras


Jarbas Valente, ex-conselheiro da Anatel; Paulo Ferreira, da Universidade Mackenzie; e Alex Magalhães, ex TV Globo, integrarão a diretoria. Mas ainda não há nome de consenso para a presidência. Ministro pediu ao atual presidente, Jorge Bittar, para aguardar a transição.

Ainda não há nenhum nome indicado oficialmente – os diretores precisam ser aprovados pelo Conselho de Administração da Telebras –, mas a nova diretoria da Telebras já está composta, à exceção da presidência. Segundo pessoas ligadas ao ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) do governo interino, Gilberto Kassab, ele ainda não encontrou um nome de consenso para a presidência. E pediu ao atual presidente Jorge Bittar para ficar até fazer a transição.

Quando os nomes forem oficialmente indicados, a nova diretoria da Telebras será composta por Jarbas Valente, engenheiro de carreira da antiga Telebras e ex-conselheiro da Anatel, que ocupará a diretoria técnica e de operações; Paulo Ferreira, professor da Universidade Mackenzie, ficará com a diretoria administrativo-financeira; e Alex Magalhães, que trabalhou na TV Globo como diretor de afiliadas, com a diretoria comercial.

Se dependesse de Kassab, segundo seu círculo de assessores, ele manteria Bittar na presidência. Foram colegas na Câmara dos Deputados. Mas Bittar já disse que, por razões políticas, não pode ficar no governo que promoveu o impeachment da presidente Dilma. No entanto, decidiu aguardar até a transição, pois o mais importante projeto da Telebras, o lançamento do satélite previsto para o início do ano, está em andamento.

PUBLICIDADE

O projeto do Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC), em construção na França, é uma joint venture entre a Embraer e Telebras. O satélite está sendo construito pela francesa Thales Alenia Space e será lançado pela Arianespace.

Anterior Produção da indústria eletroeletrônica despenca 21,6% no ano
Próximos Ericsson compra fabricante de redes ópticas na Espanha