IPC-S avança, mas despesas com comunicação despencam para -0,08%


As despesas com comunicação caíram para -0,08% na primeira semana de abril ante a alta de 0,05% registrada em março, conforme divulgou nesta terça-feira (8) a Fundação Getúlio Vargas. Segundo o órgão, o Índice de Preço ao Consumidor – Semanal (IPC-S) apresentou variação de 0,96% no período, 0,11 ponto percentual acima da taxa registrada na última divulgação.

Nesta apuração, quatro das oito classes de despesa componentes do índice apresentaram acréscimo em suas taxas de variação. A maior contribuição partiu do grupo Alimentação (1,66% para 2,05%). Nesta classe de despesa, vale destacar o comportamento do item carnes bovinas, cuja taxa passou de 1,61% para 2,48%.

No caso das despesas com comunicação, o destaque é para a tarifa de telefone residencial, que caiu de -0,48% para -0,63%.

PUBLICIDADE
Anterior Marco Civil da Internet já recebeu mais de 40 emendas no Senado
Próximos Fora do Marco Civil, data center quer lei para desoneração fiscal