Integradas, América Móvil e Telefônica acirram a competição na banda larga fixa


A Anatel divulgou hoje, 07, a base de banda larga fixa brasileira de junho deste ano. No total, o Brasil fechou o mês com 24,94 milhões de acessos banda larga fixa. Com a fusão da GVT à Telefônica e a consolidação do grupo América Móvil (Claro, Embratel e NET) acirra-se a disputa de mercado entre esses dois grupo.

O grupo mexicano continua na liderança, com 7,876 milhões de linhas fixas e o grupo espanhol, com a adição da base da GVT, fechou o mês com 7, 258 milhões de acessos banda larga.  O interessante é que o aumento da base do grupo espanhol se deu na GVT, visto que a Telefônica perdeu clientes frente a maio. Em maio, a Telefônica tinha 4,099 milhões de assinantes e, em junho, 4,098 milhões. A GVT tinha, em maio, 3,127 milhões e, em junho 3,16 milhões.

A terceira colocada, a Oi, também perdeu base em junho: passou para 6,446 milhões de clientes contra 6,466 milhões de maio.

PUBLICIDADE

A Sky/Direct TV continua a registrar significativos incrementos de clientes com sua oferta de banda larga fixa na faixa de 2,5 GHz. Eram 182 mil em maio, para 193 mil em junho, ultrapassando, com isso, a base da TIM Fiber, que fechou o mês com 186,9 mil acessos em serviço.

 

Anterior TIM cobre mais cidades de SP com 4G
Próximos Mdic consulta mercado sobre acordos comerciais com 9 países