IBM lança arquitetura de nuvem dedicada aos serviços de telecom


A IBM lançou hoje, 5, junto com mais de 35 parceiros, uma arquitetura de nuvem híbrida aberta, criada em cima da plataforma OpenShift, da RedHat, empresa do grupo norte-americano. Batizada de Cloud for Telecomunications, a arquitetura foi criada para atender aos casos de uso das operadoras de telecom, setor que está investindo na construção de data centers “edge”, localizados mais próximos aos usuários, e por isso tem buscado alternativas que permitam gerenciar muitas aplicações que rodem independente do núcleo da rede.

A iniciativa é baseada no conceito OpenRAN, em que há desagregação das redes móveis, permitindo que as operadoras tenham mais fornecedores na ponta para serviços que são consumidos pelo consumidor final.

PUBLICIDADE

Segundo a IBM, a grande diferença de sua arquitetura para concorrentes está no uso de inteligência artificial para automatizar processos. Os 35 parceiros, entre os quais figuram Nokia, Samsung, Intel, Equinix, Lenovo, Cisco, vão fornecer aplicações de OSS, BSS, núcleo móvel, funções de rede de acesso, computação e segurança.

A Nokia, por exemplo, que participou do anúncio hoje, disse que pretende fazer parte do ecossistema a fim de levar a seus clientes de rede privada opções de menor custo para a construção de infraestrutura de telecomunicações críticas baseadas em nuvem.

A arquitetura da empresa vai concorrer com outras lançadas por Amazon, Microsoft, Google, que também propõem uma solução aberta de nuvem, baseada em conteiners orquestrados por sistema kubernetes. (Com assessoria de imprensa)

Anterior Lucro da Qualcomm dispara e empresa avisa que vendas serão ainda melhores em 2021
Próximos Secretaria de Governo Digital emite alerta sobre ataques digitais. Anatel se previne.