Huawei vai implantar 12 laboratórios para formar técnicos em telecom


A fabricante de equipamentos de rede Huawei planeja capacitar mais de 600 profissionais, formar 48 novos instrutores e instalar 12 laboratórios para a prática de instalação de rede de fibra ótica, em parcerias com instituições de ensino das regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste. A iniciativa é parte da estratégia da empresa para o desenvolvimento da 5G no Brasil e aumento de empregabilidade.

A Huawei diz que o objetivo é formar pessoas independentemente da idade. O programa contemplará três partes: Fundamentos sobre redes de Tecnologia de Informação e Comunicação (TIC) e fibra; Instalação de redes de fibra – teoria e prática; e, por fim, avaliação e certificação.

PUBLICIDADE

A empresa cita um estudo da consultoria Teleco que aponta para a lacuna de técnicos que instalam fibra. Em média, mais de 50% dos provedores de internet de banda larga em todas as regiões do país enfrentam grande dificuldade em encontrar profissionais para instalar redes de fibra. Em regiões como Norte e Nordeste, esse número pode chegar a 62%, e no Sudeste e Sul, a 47%.

Em 2018, os provedores de internet contavam com 40,8 mil técnicos instaladores de fibra, sendo 36,2 mil técnicos da própria equipe e o restante de terceiros. Os demais utilizaram cerca de 30 mil instaladores de fibra, sendo 80% de terceiros.

A Teleco realizou mais de 400 entrevistas com gerentes e representantes de RH de empresas provedoras de internet banda larga em todas as regiões do país, com margem de erro de +/- 4,6%. Entrevistas qualitativas também foram conduzidas com as maiores empresas do ramo.

Entre as principais constatações:

  • 81% das empresas provedoras de internet via fibra possuem apenas equipe própria.
  • 63% dos técnicos de instalação de fibra são treinados pelas próprias empresas.
  • 54 horas é o tempo médio de treinamento para realizar serviços de instalação de fibra.
  • 62% das empresas provedoras de internet via fibra avaliam como difícil ou muito difícil encontrar um profissional devidamente treinado para a instalação da fibra.

    (Com assessoria de imprensa)

Anterior 3,5 GHz é o espectro mais licenciado para 5G no mundo
Próximos Coalizão de desenvolvedores de apps acusa a Apple de "tributar" consumidores