Huawei e HDT Energy assinam contrato com a Energisa


A Huawei Digital Power e a HDT Energy assinaram um contrato de fornecimento equipamentos para a geração de 30MW com a Energisa, maior grupo energético privado do Brasil. O acordo prevê a entrega de inversores inteligentes para projetos de usinas fotovoltaicas.

O contrato foi fechado com a (re)energisa, braço da Energisa para energia sustentável, em abril. A expectativa é que os equipamentos sejam entregues até agosto e que as usinas comecem a operar a partir de setembro.

PUBLICIDADE

Por meio da subsidiária de Digital Power, a Huawei investe no desenvolvimento de tecnologias digitais e de eletrônica de potência inteligentes para construir um novo sistema de energia, que dependam exclusivamente de energia renovável.

Como parceiro exclusivo da Huawei no Brasil em Geração Distribuída, a HDT Energy é um parceiro fundamental para a estratégia da Huawei no segmento de enrgia.

A Energisa abrange 11 distribuidoras, 11 concessões de transmissão, geração de grande porte renovável, além de uma central de serviços compartilhados, uma empresa de contact center e a fintech Voltz.

A HDT Energy, por sua vez, é uma divisão de negócios da HDT Group, presente na China, Hong Kong, Brasil, Argentina e Panamá. Atua no segmento B2B no Brasil, com o fornecimento de soluções fotovoltaicas.

Já a Huawei é a maior fornecedora de equipamentos para redes, com presença em 170 países e territórios e mais de 190 mil funcionários. A infraestrutura implantada pela fabricante para as operadoras de telecomunicações atende mais de um terço da população mundial.

Comexport

Leonardo Cyrino, CEO da HDT, Francisco Nogueira, diretor comercial da Comexport, Harry Wang, presidente da Huawei Digital Power Latam
Leonardo Cyrino, CEO da HDT, Francisco Nogueira, diretor comercial da Comexport, Harry Wang, presidente da Huawei Digital Power Latam

Além do contrato com a re(energisa), a Huawei e a HDT Energy assinaram um memorando de entendimento (MoU, na sigla em inglês) com a Comexport, empresa de trading do Brasil, nesta quinta-feira, 23. O acordo visa atender a estratégia da Huawei Digital Power, de promover a digitalização do setor de energia.

A Comexport dará suporte aos negócios, com apoio logístico, tributário e distribuir os produtos Huawei de energia no Brasil. Ambos os acordos foram anunciados durante o evento Latam ICT22, que acontece em Cancún, no México*.

*O jornalista viajou a convite da Huawei

PUBLICIDADE
Anterior Curitiba ganha a primeira luminária inteligente 5G
Próximos Vivo testa diferentes aplicações do 5G no Rio de Janeiro