Governo extingue a Alcântara Cyclone Space por medida provisória


O governo editou a Medida Provisória 858 para extinguir a empresa binacional Alcântara Cyclone Space, além de decreto regulamentando os trabalhos de inventariança da companhia. O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações ficará responsável pelos procedimentos administrativos relativos à inventariança da extinta empresa, em coordenação com o Ministério do Planejamento. O inventariante indicado é Reginaldo dos Santos.

PUBLICIDADE

A ACS foi criada em 2003, em parceria com a Ucrânia, para lançar foguetes produzidos no país do Leste Europeu a partir do CLA (Centro de Lançamento de Alcântara), no Maranhão. A empresa custou mais de R$ 480 milhões aos cofres públicos sem nunca ter lançado um foguete. Um dos problemas enfrentados foi a briga judicial referente a posse do terreno da base de Alcântara, reivindicada por quilombolas.

O governo tenta extinguir a empresa há mais de dois anos, mas encontra resistência da Ucrânia, que ameaça cobrar multa milionária prevista no acordo assinada entre os dois países. A união denunciou o acordo.

Anterior Ministério Público investiga vazamento de dados na Fiesp
Próximos Laércio Cosentino deixa a presidência executiva da Totvs